Picture
Como se previa o governo pela mão das comissões de “arbitragem” preparam-se para sabotar a luta dos trabalhadores, e naturalmente no sector mais combativo, o dos transportes, obrigando os trabalhadores da Carris e dos STCP de cumprir os tais serviços mínimos durante a Greve Geral.A esta imposição, os trabalhadores e as suas organizações e comités de greve tomarão as devidas acções e medidas para responder a este ataque, já esperado, cobarde.

Este governo declarou guerra, por isso mesmo a resposta dos operários, dos trabalhadores portugueses terá de ser de guerra, porque o que está em jogo, é a sobrevivência do capital mais precioso, o Homem. Para os trabalhadores poderem viverem, o capitalismo tem de morrer.

O Povo Vencerá!

(Veja aqui o acórdão)

fonte: Luta Popular On-Line

 


Comments

EDUARDO
19/11/2011 16:23

EU tou escalado numa das carreiras com serv.minimos.mas depois de ser alvo de tantos atropelos,porque não ter uma falta injustificada?CAMARADAS,tá na hora de romper com o institucionalizado.
EU NÃO TRABALHO!

Reply

Your comment will be posted after it is approved.


Leave a Reply