Imagem
A Associação Nacional de Bombeiros Profissionais (ANBP) anunciou neste domingo que vai aderir à greve geral de 27 de Junho e vai também criar um fundo de solidariedade social para apoiar os bombeiros com dificuldades 
financeiras.

Estas foram duas das decisões que saíram do congresso da ANBP, em Viana do Castelo. Em declarações aos órgão de informação, o presidente da ANBP, Fernando Curto, afirmou que vai ser criado um fundo de solidariedade social para apoiar os bombeiros profissionais que estão com dificuldades financeiras devido aos cortes nos salários.
Segundo Fernando Curto, a maioria destes bombeiros são municipais e estes ganham entre 535 e 700 euros mensais e, face aos cortes do Governo, “viram reduzidos substancialmente os seus vencimentos, estando a passar por situações de grande dificuldade”.

 


Comments




Leave a Reply