Picture
As manobras canalhas de diversas empresas em tentar que a Greve Geral nacional fracasse são amiúde feitas, sempre desesperadas em conter a revolta de quem trabalha contra as políticas terroristas por parte do governo Coelho/Portas.

Numa denúncia certeira o Sindicato Nacional dos Motoristas acusou hoje a Carris de estar a contactar os trabalhadores que estão de folga no dia da greve geral, propondo-lhes o pagamento a 100 por cento para irem trabalhar…

“A Carris está a telefonar para os trabalhadores que estão de folga no dia 22 de Março, propondo-lhes que vão trabalhar e oferecendo-lhe o pagamento a 100 por cento”, denuncia feita pelo vice-presidente do Sindicato Nacional dos Motoristas, Manuel Oliveira.

O dirigente sindical refere ainda que tem recebido várias mensagens de associados a denunciar esse facto tipicamente fascizante. Claro que a empresa nega, mas sabendo os antecedentes por parte desta empresa que faz tudo para intimidar os trabalhadores, seja nos horários incomportáveis, seja com salários baixos, seja com contratos precários, esta situação veiculada pelo referido sindicato demonstra a que sua acusação é autêntica.

De referir que o Sindicato Nacional dos Motoristas representa cerca de 200 trabalhadores da Carris.

Os trabalhadores em conjunto com os seus sindicatos só têm um caminho que é de rechaçar com grande determinação estas atitudes intimidantes, cobardes. No dia da Greve Geral Nacional os trabalhadores devem impor uma derrota a estes propósitos por parte dos servidores do governo, ele também serventuário dos ditames da tróica.

A Luta é Dura mas os Trabalhadores Não Vergarão!

Viva a Greve Geral!

 


06/25/2012 9:57pm

I love this blog layout, which template is it?

Reply



Leave a Reply.